Piloto Jason Dupasquier, de 19 anos, morreu após acidente no GP de Itália

O suíço Jason Dupasquier, de ascendência portuguesa, morreu neste domingo de manhã, na sequência do acidente sofrido no sábado na qualificação para o Grande Prémio de Itália de Moto3. O jovem piloto, de 19 anos, estava desde ontem internado em estado “muito grave”.

Segundo a informação divulgada pelo hospital Carregi, em Florença, Dupasquier, que foi atingido por uma das motas após a queda, foi submetido a uma cirurgia torácica durante a noite devido a uma lesão vascular. “As graves lesões cerebrais persistem. Ele continua nos cuidados intensivos em estado muito grave”, afirmou um porta-voz do hospital.

A condição clínica do piloto da Prüstel GP agravou-se e a morte foi confirmada neste domingo. Depois do acidente sofrido no sábado, que envolveu também o japonês Ayumu Sasaki e o espanhol Jeremy Alcoba, Dupasquier ainda foi assistido durante mais de 30 minutos na pista, antes de ser transportado de helicóptero para o hospital.

“É com profundo pesar que comunicamos a perda de Jason Dupasquier. Em nome da família do MotoGP, enviamos os nossos sentimentos à equipa, à família e aos amigos. Sentiremos a tua falta, Jason. Descansa em paz”, escreveu a direcção do MotoGP, em comunicado.

Dupasquier participava pelo segundo ano no Mundial de Moto3 do campeonato de motociclismo de velocidade.

* Agência Lusa – Foto Ciro de Luca/Reuters

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *